Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



14 de dez de 2009

Taras Loboda





Sou Tua Rosa


Sou tua Rosa
Rega-me!
Cuida de mim?
Deixe-me entrar no teu imenso jardim!
Deitar-me sobre os seus lençóis de gramado
E me mima entre seus braços até dormir.
Conceda-me!
Sentir o cheiro
Dos ventos Intensos
Que pairam pelo ar suavemente
Com o perfume do teu amor
Me proteja !
Finca minhas raízes em ti...
Entrego-me!
Sou tua...A tua flor
Aquela que se abre no canto da janela
dos sonhos sem fim
Dai-me um pouco de ti novamente
No suspiro de seus ventos
Dai-me
A tua paz...que perdi.
Quero descobrir em teu ser as pétalas minha
Que sejam elas as mais bonitas que possam existir!
Deixa-me fazer morada em teu jardim?
Para sempre te despertar...
Com os embalos da calmaria
Que acordaste em mim.!


MARLENINHA CASTILHO