Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



8 de dez de 2009

Stefan Gesell






Tão bela!
Jamais tão linda
poderias estar,
como quando
ao me afastar de ti,
percebi
que numa vertigem de loucura,
eu acabara de te beijar!

Teus olhos brilhavam -
tuas mãos medrosas
e atrevidas simultaneamente
tentavam despertar sensações
no meu corpo tenso!
Ah! quanto arrebatamento!
Teu beijo, sinto-o sempre!
Cada vez que em ti penso!



Cassandra Rios