Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



8 de dez de 2009

Aka Lousie



 


Sou uma ninfa -
estas ruas da cidade
ou jardins dos bairros
são estranhos para mim.
Vivo num mundo de sonhos
percorrendo bosques encantados,
onde diáfanas e etéreas mulheres
entoam cânticos de amor,
fascinadas pela emoção de amar!
Amar inconseqüentemente
numa insensatez sem pecado!
E entre as flores,
que formaram o buquê
de imagens místicas,
predominou de repente
a liliácea!
A ela entoarei
minhas últimas preces
para que se extasie,
infinitamente!



Cassandra Rios