Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



6 de dez de 2009

Joanna Zjawinska





 
Pequena Revelação ao Vento



O vento desfaz alguns mistérios meus
(será que te existem?)


minha pele, à brisa forte, te revela
aos poucos,
meus medos,
minha vida
meus desejos.
Te mostro toda
NUA,
TUA,
como sempre fui.


Distante,
Mas presente de ti.


Ana Paula Perissé