Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



18 de dez de 2009

Andrew Atroshenko




Tua e Nua!


Entre meu Doce Amor,
E eu, não há segredos,
Apenas amor e desejos.
É que quando ele me lança
Aqueles olhares famintos,
Que me despem,
Que me arrancam gemidos,
E que me faz só dele,
Toda nua,
Em pêlo!


Paty Padilha