Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



12 de jun de 2010

Jennifer Janesko






Tuas Mãos



Sem pudores me tocam
Teus dedos hábeis dando vida
Desenhando meus contornos
Me excitam
Arrepiam delirantemente
Aceleram a minha paixão
Matam a minha fome de ti
Inquietos toques
Delicados toques de amor
Em momentos incertos
Que me deixam apaixonada por você
No êxtase de tocar
Te quero cada dia mais.


Silvia Costa