Amo como ama o amor. Não conheço nenhuma outra razão para amar senão amar. Que queres que te diga, além de que te amo, se o que quero dizer-te é que te amo?

Fernando Pessoa



27 de nov de 2009

Zhao Kalin



 
Você Chegou de Mansinho




Como por encanto




Com teu jeito doce
teu olhar penetrante
e sorriso de afagos



Sem pedir licença
arrebatou meu coração
Fizeste de mim
refúgio da tua paixão



Quis evitar
neste amor não acreditar
Fugir da imensidão deste
sentimento incontrolável



Caleidoscópio de sensações
e emoções
Amor em profusão



Dois num só coração.




Silvia Costa